Montevidéu: Plaza Independencia e Pocitos

Aproveitando que estou com um tempinho, vou terminar de falar sobre o primeiro dia e postar mais algumas fotos. Adoro o fato de que minhas percepções ficarão registradas e daqui a alguns meses ou anos eu possa ler esses posts novamente e reviver um pouquinho da viagem 🙂
Depois andar por toda a feira de Tristán Narvaja andamos mais, mais e mais. Saímos caminhando em direção a Plaza Independencia, poderíamos ter ido de ônibus ou táxi, mas deixaríamos de ver várias coisas pelo caminho. Optamos por ir a pé e sempre que encontrássemos algo legal, pararíamos para tirar uma foto, admirar uma paisagem ou simplesmente descansar as pernas sentando no banco de alguma praça.

Passamos pela Universidad de la Republica, por várias e várias praças e todas elas com várias e várias esculturas. Lá em Montevidéu, pra onde quer que você vá ou olhe sempre tem alguma praça ou uma grande escultura de qualquer coisa que seja e a maioria bem limpo e conservado. Achei isso tão europeu rsrsrs.



Ainda no caminho passamos por uma fonte cheia de cadeados. Diz a lenda que se um casal apaixonado prender um cadeado nessa fonte com as iniciais de ambos gravadas no cadeado, o amor será eterno e eles ficarão juntos para sempre. Não tínhamos um cadeado, então ficamos só com uma foto mesmo.
Uma coisa bem curiosa: lá em Montevidéu toda a distância é baseada em ponto central. Tem uma praça e nessa praça tem uma escultura chamada Columna de la Paz, que representa o quilômetro zero de todas as rodovias uruguaias.


Finalmente chegamos Plaza Independencia, um dos principais pontos turísticos da cidade. É lá que tem o Palácio Salvo (que por um tempo foi o prédio mais alto da América Latina) e o mausoléu para abrigar os restos mortais de Artigas (fundador da cidade).
Bem próximo de lá encontramos o Teatro Solis, que infelizmente não tivemos a oportunidade de conhecer por dentro.
Depois de tanto andar, decidimos voltar ao hotel de ônibus. Foi super fácil, tranquilo e barato. A passagem custa 19 pesos, os ônibus não possuem catraca, mas todos respeitam e não existe problema. Anda de ônibus no Uruguai foi uma ótima experiência, acreditem se quiser, pois o transporte estava sempre limpo, dava pra ir sentado na maioria das vezes e não tinha aquela lotação de perder o fôlego. não sei se é sempre essa maravilha, mas em todas as vezes que optamos pelo ônibus (a grande maioria) foi bem tranquilo e rápido.


No fim da tarde fomos conhecer a Praia de Pocitos. Andamos por boa parte da orla mesmo fazendo um frio de rachar, participamos do Rio + 20 do uruguai e terminamos o dia indo jantar no shopping Punta Carretas. No fim do dia eu já não estava mais nem lembrando de tirar fotos e acabei nem registrando um pouquinho do shopping.
Até a próxima!!
Anúncios

3 comentários sobre “Montevidéu: Plaza Independencia e Pocitos

  1. A foto seguinte ao Palácio Salvo é a Puerta de la Ciudadela. Nós não conseguimos tirar foto do mausoléu porque ele estava em obras de restauração. Achei muito legal isso de eles cuidarem bem da história da cidade, teve mais uns dois pontos turísticos que não conseguimos tirar fotos também por estarem sendo restaurados.A praça onde fica o quilômetro zero do Uruguai (a Columna de la Paz) se chama Plaza Cagancha.

    Curtir

  2. Aline, é uma conferencia das nações unidas em prol do desenvolvimento sustentável.Esse evento tem em vários lugares do mundo…e em todo lugar recebe o nome de rio+20http://www.rio20.gov.br/

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s