E a espera continua

Estamos sem TV, sem cama, sem mesa, sem chuveiro elétrico… A venda dos móveis está caminhando, ainda que com muita barganha por parte dos compradores…pelo menos estamos vendendo praticamente tudo.
Estou também dando aulas particulares de cálculo 3 na faculdade que eu estudo para os alunos que ficaram de sub e com isso estou conseguindo levantar uma graninha a mais para o nosso cofrinho da imigração. Está corrido e lento ao mesmo tempo, está difícil, está angustiante por conta da AMT que não libera o nosso documento e está boring no estágio.
Só para ser bem clara: semana que vem, mais precisamente na quarta feira, será a nossa última manhã aqui no ap que moramos em Sorocaba. O Wesley segue para Osasco onde ficará hospedado na casa da Ciça e do Rafa e eu ficarei em uma república aqui em Sorocaba. Quanto tempo passaremos assim? Não sei… Só a AMT pode dizer.
Estamos dando um tiro no escuro total, pois sabemos que o Wesley foi contratado, recebemos o ok da empresa que o Wes vai trabalhar, estamos vendendo os móveis, deixando o apartamento, trancando a faculdade, eu anunciei pro meu chefe aqui no estágio essa semana e…e…e… e não sabemos de NADA, não sabemos quando vai ser, não sabemos como vai ser, só sabemos que existe uma burocracia monstra e as coisas seguem se arrastando… não tenho nem idéia de quando daremos entrada no nosso visto. Isso me causa muito, muito, muito medo e esse medo caminha ao lado de muita, muita, muita esperança de que a burocracia não atrapalhe nossos planos e sonhos.

Estou com muitos sentimentos misturados…essa semana tenho pensado demais na minha mãe. Quando eu morava com ela, nos tempos difíceis de $$ e problemas familiares, eu e minha mãe nos sentávamos na porta do comércio do meu pai e ficávamos fazendo listinha de compras com o dinheiro da mega sena (se um dia ganhássemos) e tudo terminava ou em risadas, ou em um suspiro para conter as lágrimas e finalmente nos planos: em como seria quando eu me formasse, que eu compraria uma casa bem bonitinha pra minha mãe, ou que a levaria para morar comigo, que aos fds iríamos passear juntas no shopping, ir ao cinema, fazer umas comprinhas e relembrar do passado com um sentimento de vitória.
Não estou cumprindo o meu prometido. Estou trocando de faculdade mais uma vez para poder seguir meu sonho, estou indo morar muito mais longe dela, estou longe de poder dar a casa bonitinha. E ela? Ela está me apoiando, torcendo por mim, mesmo que com o coração apertado e com medo, mas ela está ao meu lado.
Eu mereço essa mãe maravilhosa?? Sou abençoada por tê-la na minha vida.
Agora em relação a venda do nosso carro. A dois anos + ou – compramos um usadinho em bom estado…era o que podíamos pagar e na vdd ainda estamos pagando no esquema de consórcio. Eis que hoje, pela tabela fipe o nosso carro desvalorizou 9k em uma cassetada só. Oooooow…como assim? ainda estamos devendo praticamente isso sobre o valor do carro.
Passado o susto inicial nos encontramos em um labirinto. Como está muuuuito fácil comprar carro novo hoje em dia e o preço de um novo está muito mais acessível também, as pessoas acabam não se interessando tanto em pegar um carro usado e que exige mais manutenção, ou seja, mais dinheiro perdido na negociação.
O carro era minha maior esperança em grana para o cofrinho da imigração e é o que menos vai retornar. Decidi mandar o carro pro meu pai, lá em Fortaleza e vamos fazer um negócio…daí o que que acontece nessa terça feira? Baaaaaaaaaam, eu bato o carro quando estava saindo de casa…tadinho do meu pai. A batida não foi nada do tipo “perda total”, mas o carro não ficou legal, ficou feio e se já tivéssemos um comprador para nosso carango, o valor dele ia dar mais uma bela despencada. Enfim…chorei, chorei, chorei.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s