Festival des Lumières de Québec

Vou tentar escrever meus textos em francês e em portugues para praticar. Eu quero escrever sempre em francês pois eu acho que isso vai me ajudar a aprender mais. Observação: eu estou aprendendo, então é verdade que cometerei muitos erros.

Je vais essayer d’écrire mes textes en français et en portugais pour les pratiquer. Je veux écrire toujours en français car je crois que ça va m’aider à apprendre plus. Note: J’apprends, donc c’est vrai que je ferai beaucoup d’erreurs.

Falei para o meu esposo várias vezes que eu estava achando a cidade pouco decorada para o Natal. Fiz várias comparações com as decorações caprichadas que eu estava acostumada a ver no Brasil e confesso que fiquei meio decepcionada com o que eu estava vendo por aqui. Porém, semana passada fomos conferir o festival da luzes aqui do Quebec e eu fiquei realmente encantada com tudo. Muitas luzes, muitas cores, tudo lindo, caprichado e cheio de encanto.

J’ai dit pour mon mari plusieurs fois que je pensais la cité peu décoré pour le Noël. J’ai fait beaucoup comparaisons avec les décoré plus jolie que jái été habitué dans au Brèsil et j’avoue que j’ai été un peu deçue avec ce que je voyait ici. Cependant, la semaine passée nous sommes allés vérifier le Festival des Lumières de Québec e j’ai été enchantée avec tout. Beaucoup de lumières, beaucoup de couleurs, tout est beau et plein de charme.

O festival das luzes acontece aqui de 21 a 31 de dezembro em Vieux-Québec. Ainda iremos voltar lá para fotografar algumas coisas que não conseguimos de primeira pois as 22:00 as luzes se apagam e também porque eu tive mais um vez um problema relacionado ao frio.

Le Festival des Lumières il se passe ici de 21 au 31 dezembre dans le Vieux-Québec. Encore nous allons returné pour photographier quelques choises que nous ne obtenons pas de première parce que les lumières sont fermé as 22:00 et aussi parce que j’ai eu un problème avec le froid.

As fotos abaixo são do meu esposo:
Les photos ci-dessous sont de mon mari:

DSC_0028

DSC_0046

DSC_0069

DSC_0105

DSC_0136

DSC_0127.jpg

DSC_0101.jpg

DSC_0088.jpg

DSC_0035.jpg

Anúncios

semaninha badalada

Essa semana foi bem agitada e passou mais rápido que o normal. Na segunda feira eu fui para uma apresentação de uma peça de teatro em um bar estilo taverna, da qual a minha coloc fazia parte do elenco. A maior parte da apresentaçao os atores ficavam mudos, mas em alguns atos eles falavam algumas coisas e logicamente era tudo em francês. A apresentação tinha uma vibe meio de comédia e nas partes faladas eu acabei não entendendo nada, afinal meu nível de fracês não está tão afiado assim, mas fui mesmo assim para prestigiar a minha coloc que é uma fofa.
Durante a semana as mesmas coisas de sempre: curso 1, curso 2, estuda francês, assiste série em francês, cozinha, come…come…come…, fica feliz com a neve em dois dias da semana, passa frio quando se agasalha de menos, passa calor quando se agasalha demais, passeia no shopping Laurier, sente vontade de passear pela cidade para tirar fotografias mas dá preguiça e por aí vai. A diferença dessa semana é que aconteceram outros eventos que deixaram ela mais badalada. Sexta feira foi a despedida de um amigo que morava conosco na casa da mesma coloc e que foi embora para Montreal. Fomos ao Chez Victor celebrar essa nova fase do MP, caprichamos na poutine de barbecue (a melhor que já comi) e conhecemos mais alguns brasileiros. Estou aqui ainda não completou nem dois meses, mas realmente acho que tenho dificuldades de integração pois nem com os brasileiros eu consigo fazer amizade. Eu e o Wesley temos um casal de amigos que são da Bahia e que saímos bastante com eles e eu tenho uma coleguinha japa e outra coreana nos cursos de francês…e só. Nossa integração termina por aí. O Wesley ainda conhece alguns brasileiros no trabalho, mas nunca saímos para passear com eles.
Enfim, voltando a minha linha de raciocínio que é completamente embaralhada e louca: com a saída do MP o nosso quarto definitivo foi liberado e ontem fizemos a nossa “mudança”. Poxa vida, como acumulamos coisas…eu não tinha noção de que já tinha tanto bregueço sendo que não temos “nada”, entende?
Mudança feita, ontem tivemos o primeiro evento do trabalho do meu esposo. Evento esse que para me preparar eu tive praticamente uma personal stylist me ajudando a comprar uma roupa bonitinha e decente para o evento. No Brasil eu não me arrumava muito e sempre que ia em alguma loja comprar alguma coisa, ficava meio deprimida com o preço das roupas nas fast fashion da vida e saía com uma ou outra peça que no fim das contas não tinha nada haver comigo ou que não combinava nada com o que eu já tinha. Daí era sempre assim: quando eu tinha algum lugar pra ir, corria para comprar algo mais alinhado… eu sempre me confiava no fato de que não saía para lugar nenhum, aliava isso a minha mão de vaquice.
Enfim, voltando novamente a minha linda de raciocínio que foi perdida pela segunda vez: o evento do trabalho do meu esposo foi um : “Soirée de vins et fromages”. Nossa senhora, comi demais e agreguei muitas calorias. Conheci alguns amigos do Wes, brasileiros e que trabalham na mesma empresa e as respectivas esposas. Conheci também alguns québécois que estavam sentados na nossa mesa. O pessoal era bem simpático, puxou assunto conosco, todo mundo interagiu em diversos momentos da noite e talvez a fartura de vinho tenha ajudado um pouco. Foi bem bacana ir em um evento assim, pois nunca tinha feito nada parecido e até bebi um pouquinho de vinho, confesso… me julguem.

Roubei aqui uma foto do insta do meu esposo.

1467307_10202583354649672_2024777859_n

Ah, novidade: finalmente me matriculei em uma academia. Sem promessas, sem muitas expectativas. Vou voltar e vamos ver o que vai dar.